Jornalismo e configuração narrativa da história do presente

agosto 13, 2008 às 12:01 pm | Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Este artigo, também de autoria do professor Luiz Gonzaga Motta,  foi publicado na edição 1, em dezembro de 2004, da revista eletrônica e-compós. Publico aqui o primeio parágrafo da introdução.

“Como as significações desconexas e parciais das notícias diárias são interpretadas pelos receptores? De que maneira os receptores constroem sínteses significativas a partir dos dispersos fragmentos de sentido transmitidos pelas notícias? De que maneira os receptores conformam significações coerentes a partir das fragmentadas notícias? É possível que as dispersas notícias de cada dia sejam reordenadas em narrativas unitárias? Se isso se realiza, até onde essas construções discursivas podem ser reconhecidas como narrativas coesas? “

 

 

 

Anúncios

1 Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. Muito obrigada pelo texto!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: